Criar um Site Grátis Fantástico
Dupla personalidade (Transtorno metal)
Dupla personalidade (Transtorno metal)

 

 

 

 

Tem lógica?

 

Dupla Personalidade e as Dificuldades no Relacionamento Social

 

(Cena de uma novela)

 

Uns dizem que essa pessoa tem duas caras

E outras dizem que é lundum.

Tem facilidade de fazer amizades e perde-las em seguida.

Uma hora é muito doce e amável e outra hora extremamente agressiva e mal carater.


 

Lundum(Significado)

 

Por Dicionário inFormal ou popular

 

  • lundu ou lundum é uma dança brasileira de natureza híbrida, criada a partir dos batuques dos escravos bantos trazidos ao Brasil de Angola e de ritmos portugueses. Da África,
  • Também é a pessoa arretada, chateada, brigada com o mundo.
  • Hoje ele tá chateado, tá de lundum!
  • Também é conhecido como pessoas que de uma hora pra outra muda de personalidade

 


 

 

 Da mesma forma que outros transtornos dissociativos, o transtorno dissociativo de identidade ou a dupla pode trazer prejuízos graves ou incapacitação de funções cognitivas e perceptivas para a pessoa.

No entanto, algumas pessoas com Transtornos Dissociativos e com dupla personalidade conseguem relações sociais consistentes e até mesmo empregos altamente com alta responsabilidade, contribuindo para a sociedade em uma variedade de profissões, como por exemplo, nas artes, no serviço público, empresas, etc.

Essas pessoas conseguem manter e assegurar seus contatos sociais parecendo a funcionar normalmente, interagindo com colegas, vizinhos e outras pessoas.

 

Fonte: 

http://www.psicologiananet.com.br/pessoa-com-dupla-personalidade-e-as-dificuldades-no-relacionamento-social/991/


 

 

(Cena de uma novela)

 

São traumas psíquicos frequentemente adquiridos na infância, e que ficam numa espécie de congelador cerebral devido a um stress de tal ordem insuportável que a criança não o consegue explicitar, após esse choque emocional, e por não conseguir lidar com tal situação, mais tarde na idade adulta, reaparece sob uma forma de dissociação de consciência, ele tende a se proteger do mesmo, criando, a partir do trauma, novas identidades, denominadas álteres-ego, para que, a estas, caibam a sustentação de todo peso emocional. É um mecanismo de defesa por meio do qual a pessoa tenta resolver os problemas que haviam ficado suspensos criando personalidades alternativas, e que na infância se é incapaz de fazer.

 

Quase todos (97 a 98%) os adultos com distúrbio dissociativo da identidade relatam ter sofrido algum tipo de abuso durante a infância. Isso pode ser documentado para 85% dos adultos e 95% das crianças e adolescentes com distúrbio dissociativo da identidade.

 

Os indivíduos com distúrbio dissociativo da identidade freqüentemente são alertados sobre coisas que fizeram, mas não conseguem se lembrar de tê-las realizado. Outras pessoas também podem comentar sobre mudanças de comportamento de que eles não se lembram. Eles podem descobrir objetos, produtos ou papéis escritos que não conseguem explicar e nem reconhecer

.

Pessoas que sofrem de Distúrbios Dissociativos "escapam" da realidade de modo involuntário e pouco saudável, perdendo a memória ou achando que é outra pessoa. Estes distúrbios costumam surgir como resposta a certos traumas, ansiedades ou lembranças muito dolorosas.

 

No período em que um outro "eu" assume o controle, as demais identidades, ficam em estado de amnésia parcial, não tendo, portanto, conhecimento das ações praticadas pelas outras, sendo assim, freqüente a existência de uma personalidade que envolve-se em drogas ou até mesmo com coisas muito mais graves, tais como agressões, furtos, roubos e assassinatos. Em suma, são personalidades totalmente distintas e independentes, mas que fazem parte da mente de um só indivíduo.

 Fonte:

http://www.psicosmica.com/2013/02/transtorno-dissociativo-de.html


 

 

(Cenas de uma novela)

 

Sintomas

Pacientes geralmente demonstram uma grande variedade de sintomas que podem remeter a outros transtornos neurológicos e psiquiátricos, como transtornos deansiedade, personalidade, humor ou esquizofrenia.

Se os sintomas aparentam estarem presentes, o paciente deveria primeiramente ser avaliado por um completo exame físico e de seu histórico médico.

Os vários testes diagnósticos, como raios X e testes sanguíneos, são utilizados para avaliar doenças físicas ou efeitos colaterais de medicamentos. Certas condições, incluindo doenças mentais, lesões na cabeça, intoxicação por álcool ou drogas e privação de sono, podem levar a sintomas parecidos com o dos transtornos dissociativos, incluindo a amnésia dissociativa.

Os sintomas deste transtorno, em particular, podem incluir

  • Depressão;
  • Ansiedade (suores, pulso acelerado, palpitações);
  • Fobias;
  • Ataques de pânico;
  • Cefaleias ou dores em outras partes do corpo;
  • Nível instável das funções, de altamente efetivas a inoperantes;
  • Lapsos e distorções na percepção do tempo, amnésia dissociativa;
  • Disfunção sexual;
  • Transtornos alimentares;
  • Estresse pós-traumático;
  • Preocupações ou tentativas suicidas;
  • Uso ou abuso de substâncias psicoativas

Fonte;

http://pt.wikipedia.org/wiki/Transtorno_dissociativo_de_identidade#Causas_potenciais

 


A lógica informa:

As informações aqui contidas não têm caráter de aconselhamento.

 Se necessita de ajuda

Consulte um profissional de saúde especializado.


 

    

 

Se você segue padrões,

você estará privando

o mundo de conhecer o novo.

 

Cortêz Saldanha  - 28/09/2017